peixes01A Secretaria Municipal de Defesa do Consumidor (Procon/Campos) acaba de concluir a pesquisa de preços do pescado no mercado Municipal. A pesquisa foi realizada na última quarta-feira (18/03) e foram encontradas diferenças de preços de mais de mais de 100% de um mesmo produto. Em relação ao mesmo período de 2014 os preços estão superiores em 11%, mas a oferta no momento é muito boa.

De acordo com a secretária do Procon/Campos, Dr.ª Rosangela Tavares, o momento é ideal para comprar o produto. “O consumidor que puder adquirir e congelar o produto vai encontrar uma boa oferta, com preços bem acessíveis. Por experiências dos anos anteriores, os preços devem dispara a partir da próxima semana. Continuamos orientando os consumidores para buscarem os menores preços, aliados a qualidade do produto”, destaca Dr.ª Rosangela Tavares.

peixes02

As maiores variações estão nos seguintes peixes:

Tipo de Pescado

Menor preço

Maior preço

Peruá

10,00

20,00

Traíra

8,00

18,00

Namorado

12,00

20,00

Pargo

7,00

15,00

Para os consumidores que não sabem a melhor forma de escolher um bom pescado, o Procon/Campos divulga as principais dicas para uma compra perfeita:

- Antes de fazer sua compra de pescado, preste atenção no aspecto e no odor do produto que está comprando.

- O pescado deve ter o corpo rijo, seus olhos salientes e brilhantes e as escamas firmes e aderidas a pele.

- Cheiro desagradável ou de amoníaco no pescado indicam que está impróprio para o consumo.

- As guelras devem estar vermelhas. Passe o dedo para ver se não tem corante.

- O peixe não estará bom para o consumo se você apertá-lo e nele permanecer a marca de seus dedos.

- Na compra de peixes secos (bacalhau, por exemplo), evite os que tiverem manchas úmidas ou avermelhadas.

- Por fim, antes de consumir qualquer tipo de carne, peixes ou derivados, cozinhe-os bem.